Trilha da Ponta da Joatinga – NÍVEL 6

A Ponta da Joatinga é a região próxima da divisa entre São Paulo e Rio de Janeiro, já no Estado do Rio, conhecida pelos navegadores como o “Cabo Horn brasileiro”, pelas condições sempre adversas do mar com ondas altas e fortes grande parte do tempo.

O difícil acesso acaba por deixar o lugar bastante preservado, tanto em termos naturais como culturais, pois a comunidade de pescadores local mantém muitas de suas características tradicionais de pesca, roça e modo de vida caiçara.

A trilha que, serpenteando a costa, atravessa toda a região, ligando várias vilas, praias desertas, transpõe vales e beira costeiras, leva 3 dias de caminhada.

1º dia

No primeiro trecho de aproximadamente 6 km passamos por três praias: Sono, Antigos e Antiguinhos, estas duas últimas, desertas, além de uma cachoeira maravilhosa.

Após 5 horas de caminhada pernoitamos na praia da Ponta Negra, vila caiçara tradicional.

2º dia

A caminhada do segundo dia, por se tratar da mais longa e difícil começa cedo. Logo no início há uma subida forte atingindo a altitude de 500m.

Na descida há uma refrescante água para se recompor da subida cansativa.

A descida termina na praia do Cairuçu, pico que da nome a região e também a Área de Proteção Ambiental que preserva o local.

Mais um longo trecho de subidas e descidas menos íngremes até chegar a praia da Cajaíba, onde se fará outra pernoite em casa particular.

Neste dia caminha-se de 10 a 11 hs. Existe a opção a pousar na praia de Martins de Sá, 2 horas antes da Cajaíba, porém não tem casa nem restaurante, sendo necessário levar todo o material de camping e alimentação.

3º dia

O terceiro dia é o mais tranquilo de todos, com a trilha bem próximo a costeira, com poucas subidas e várias praias. É também o percurso mais curto

4 horas depois da saída, um barco estará esperando o grupo para levar até a cidade de Paraty onde termina o passeio.

Recomendações:

  • Alimentação: frutas secas, suco em pó, barras energéticas, doces, bolachas, leite e café em pó, sanduíches reforçado de próprio agrado.
  • Vestuário: para a caminhada botas confortáveis, calça comprida leve e macia, bermuda, camiseta, boné e mochila para carga.
  • Acessórios / Equipamentos: repelente, protetor solar, óculos de sol, máquina fotográfica, mochila, saco de dormir, 3 mudas de roupa seca, 1 capa de chuva, 1 agasalho, toalha, lanterna, pilha, cantil, remédios de uso particular (informe e estipule a dosagem), chinelo, material de banho.

Comentários

  1. Trilha muito interessante. Como faço para saber mais informações sobre esse passeio, contato e custos?

O que achou? Deixe sua opinião!

Please enter your comment!
Please enter your name here

- De um apaixonado por viagens para outro -

Veja também

Ilhas de Ubatuba – 7 Ilhas paradisíacas para você conhecer!

As ilhas de Ubatuba vem ganhando cada vez mais fama no litoral brasileiro e não é por nada! Além...

O que fazer em Ubatuba – 22 Passeios que você não pode deixar de fazer!

Se está a procura das melhores dicas de o que fazer em Ubatuba, você está no lugar certo! Essa...

Mapa de Ubatuba – Praias e Pontos Turísticos

[googlemaps https://www.google.com/maps/d/u/3/embed?mid=1oWMst6KNh0kGANde9TVcwv3NHuaxiD5v&w=100%&h=600]