Cachoeira do Itú

0
Cachoeira do Itu

Trilha das Cachoeiras do Ribeirão de Itú em Boiçucanga

Boiçucanga é uma palavra de origem indígena (significa cobra de cabeça grande) e designa uma região que limitava as terras dos Índios Tupinambás, ao norte e Tupiniquins.

As trilhas indígenas foram utilizadas pelos colonizadores portugueses para o acesso ao interior do país, em busca de minério e produtos tropicais.

As comunidades locais mantiveram seu uso ao longo do tempo, principalmente para peregrinações religiosas a localidades da região do planalto.

Trilha Cachoeira do Itu

CARACTERÍSTICAS

  • Contratação obrigatória de monitor local
  • Trilha apropriada para esportes de aventura: Para isso você deve contar com apoio especializado.
    Extensão: 8,2 Km
  • Duração média: 6 horas (Salesópolis – Boiçucanga)
  • Altitude: 580 m (no início da trilha)
  • Condições do percurso: trilha estreita em sua maior parte, em tempo úmido existem trechos escorregadios e íngremes próximo aos cursos d’água. Envolve trechos considerável de descida.
  • Atrativos: cachoeiras, travessia de rios, observação da flora e fauna típica de Mata Atlântica, prática de canyoning.
    Única opção para percorrer a trilha: a pé.

 

Dicas Importantes

A trilha das Cachoeiras do Ribeirão de Itú é longa. Programe-se pra fazer o passeio saindo para a entrada da trilha no início da manhã, garantindo assim um passeio com tempo para observar a Mata Atlântica e tomar banhos de cachoeira.
Horário: Horario seguro limite de chegada em Boiçucanga até as 18:00 hs. Durante esta caminhada atravessamos vários cursos d’água.
Cuidado: Com chuvas fortes dias antes, corremos o risco de uma tromba d’água e do aumento do volume de água nos rios.
Também impactamos a trilha pisoteando a terra muito molhada. Se isto acontecer, altere a data de seu agendamento para um dia sem chuvas, com a certeza de que você vai curtir mais o passeio.
nº máximo de pessoas: Os grupos deverão ser de até 10 pessoas/guia, respeitando a capacidade de suporte do ambiente visitado.

NÃO SE ESQUEÇA

  • Usar roupas confortáveis como calça de moletom e camiseta, tênis com sola antiderrapante ou bota com proteção especial para os tornozelos.
  • Levar uma mochila pequena com repelente (citronella), roupa de banho, agasalho, boné filtro solar, lanche com alto valor energético e pouco peso, sacolinha para o seu lixo, um cantil com água ou bebida isotônica, binóculo e máquina fotográfica.

 

Centro de Informações Turísticas de São Sebastião – Tel: (12) 3852-1808

COMPARTILHE

Deixe sua opinião!